Chaminé de Chave

A Chaminé De Chaves foi uma das únicas coisas que restou à tona das dunas de uma antiga fábrica de tijolos e telhas situada na praia de Chaves, uma estrutura ao nível da tecnologia europeia da época com abertura no início deste século. 

A fábrica que exportava essencialmente para os países da África Ocidental, fechou as portas em 1928, por razões ainda desconhecidas, empregava várias dezenas de pessoas não só de Boa Vista mas oriundas de outras ilhas.

Com um produto de alta qualidade, onde acabou durante os anos sendo soterrada pelas dunas, a chaminé foi a única que restou não deixando que as pessoas se esqueçam que ela existiu. 

Outro projeto que funcionou na mesma praia de chaves ligado a arte da tecelagem e olaria foi iniciada no final dos anos 50, com o nome de escola de olaria de chaves, mas acabou extinta devido ao movimento da independência.

Galeria


X