Igreja Católica em Cabo Verde

A Igreja Católica (o termo “católico” derivado da palavra grega: καθολικός (katholikos) que significa “universal”, “geral” ou “referente à totalidade”), também chamada de  Igreja Católica Romana e Igreja Católica Apostólica Romana, é uma igreja cristã de aproximadamente dois mil anos de existência, posta sobre autoridade papal do Bispo de Roma e sucessor do apóstolo Pedro. Ela propõe uma vida espiritual e uma regra de vida aos seus fiéis inspirada no Evangelho e definida, regida pelo Código do direito Canônico ela se compõe, além da sua muita bem conhecida hierarquia ascendente que vai do diácono ao Papa. Mãe da igreja. Para este fim, a Igreja Católica administra os sacramento e prega o Evangelho de Jesus Cristo. Atua também em programas sociais e instituições em todo o mundo, incluindo escolas, universidades, hospitais e abrigos, bem como administra outras instituições de caridade, que ajudam famílias, pobres, idosos e doentes.

Igreja Católica Sal Rei Boa Vista
igreja-de-fatima
igreja catolica boavista
igreja catolica

Após a morte de Cristo, seus discípulos passaram a ser chamados cristãos e, reunidos em pequenas comunidades, procuraram manter viva a lembrança de seus ensinamentos, embora participando ainda da tradição religiosa judaica. A religião cristã, formada pela filosofia cristã, constituída por ensinamentos (amor, compaixão, fraternidade…) provenientes das ideias de Jesus Cristo, fundador e considerado o maior apóstolo do cristianismo, surgiu e ficou conhecida no mundo antigo (Antiguidade).Desde o Concílio de Trento, realizado entre 1545 e 1563, a igreja cristã subordinada à autoridade papal passou a denominar-se Católica Apostólica Romana, em oposição às igrejas protestantes constituídas a partir da Reforma. Define-se como uma, santa, católica e apostólica e considera seu chefe como legítimo herdeiro da cátedra do apóstolo Pedro, sagrado papa, segundo o Evangelho, pelo próprio Cristo.Atualmente, a sede da Igreja Católica se encontra no Estado do Vaticano (norte da cidade de Roma), criado em 1929 pelo Tratado de Latrão, especialmente para sediar e abrigar o alto clero da Igreja – entre eles, o papa.

Igreja de S.Antonio

Em Cabo verde a igreja católica é parte da igreja universal, a Igreja Católica está presente no país com duas dioceses:

  • – Diocese de Santiago de Cabo Verde , que compreende as ilhas de Maio, Santiago, Fogo e Brava;
  • – Diocese de Mindelo, que compreende as ilhas de Santo Antão, São Vicente São Nicolau, Sal e Boavista.

Essas dioceses não são sufragâneas de nenhuma arquidiocese, e estão imediatamente sujeitas á santa Fé. Passou a liderar a diocese de Praia Dom Arlindo Furtado. Atualmente boa parte dos padres em Cabo Verde são nacionais, oriundos do Seminário de São José.

Atividades Religiosas

Em Sal Rei as actividades em honra a Festa do Município e da sua padroeira, Nha Santa Isabel tem início no mês de Julho, com uma grande mostra de actividades Social, Cultural e Desportiva do Concelho e terminam a 04 de Julho com a celebração da tradicional procissão e o almoço popular. Relativamente ao Desporto são realizados competições e torneios de futebol, futsal, andebol, basquetebol, voleibol de praia, atletismo, ciclismo, salto em comprimento, jogos de ringue, tacada, cartas, uril, damas, natação, regata de botes e corridas de burro e cavalo. Lançamentos de livros, conferências, workshops sobre as Artes e Morna, Feira Tradicional de Sal-Rei, concerto 100% jovem, show musical, a tradicional “Noite da Guitarra”, com artistas locais, teatro e exposição fotográfica são actividades que enriqueceram o cardápio cultural.

Barracas com variedades de produtos, alimentícios, shows musicais, teatros, concursos tenda electrónica espelham-se pela cidade e aquecem à noite das festividades. Praticamente durante um mês a ilha “vive” com actividades espalhados por toda a cidade, sem esquecer o grande espectáculo do famoso baile conjunto.

JOÃO GALEGO

Em Junho, a aldeia celebra as festas de São João Baptista, promovendo diversas actividades desportivas, culturais e recreativas. Essas celebrações são celebradas também nas aldeias vizinhas de Fundo das Figueiras e Cabeça dos Tarafes. Das atividades realizadas, destaca-se a Feira Agropecuária do Norte. A ideia para a realização desta feira nasceu para atrair turistas. A feira acontece ao primeiro domingo de cada mês em parceria com a autarquia da ilha. A Feira Agropecuária do Norte é uma montra genuína dos produtos fabricados nas aldeias de João Galego, Fundo de Figueira e Cabeça Tarrafes, gastronomia, agricultura e pecuária.

Os guias turísticos também têm colocado esta feira nas suas rotas, dando assim mais-valia ao desenvolvimento do turismo nesta zona. Ali, tudo é mais barato e ainda é possível dar um passeio de burro e de cavalo na feira.

Igreja_em_João_Galego

FUNDO DAS FIGUEIRAS

As responsabilidades religiosas das festividades de São João Batista ficam a cargo da população dessa localidade, onde situa a igreja deste santo padroeiro do norte. Além das actividades tais como uma missa vespertina, uma procissão, uma corrida de cavalo, um almoço popular, um desfile, um leilão paroquial, um baile. Às 20 horas começa a rabecada no salão paroquial, animada sempre por um “rabeca vinda de outras ilhas”. Durante o mês de Junho, antecedendo as festividades acontecem sempre os torneios de bisca, cartas e inter-povoações com a grande final no dia 23, véspera do dia do Santo Padroeiro.

igreja-fundo-dasfigueiras

CABEÇA DOS TARAFES

Em Junho, também a aldeia celebra as festas de São João Baptista, com uma missa na escola local, um almoço popular e um baile de coladeira. Nesse povoado também a festa é rija e termina com São Joãozinho, que acontece todos os dias 25 de Junho. As festividades iniciam logo cedo, com uma matança de capado para enriquecer o almoço popular. Um bom arrasta pé ao som da coladeira, nunca falta. A festa de Reis é uma festa católica que celebra os Três Reis Magos. Tradicionalmente é festejada com uma procissão e logo de seguida a missa. Depois era as actividades de corrida de burros, de cavalos e á noite decorria o baile popular com uma rabecada, em que, no fim da festa, os tocadores acompanhavam todas as damas com tocatinas as suas casas.

Actualmente essa festividade tem caído em desuso. Celebrada a 15 de Agosto, Nossa Senhora de Piedade é a Santa que empresta o nome à Igreja que fica a entrada da localidade de João Galego. Na começarão desta Santa padroeira deste povoado, a festa é iniciada com uma procissão e missa por volta das 10 horas. Às 12 horas é oferecido um grande almoço popular, onde os famosos pratos típicos da ilha da Dunas faz jus a festa.

aldeias norte boavista

BOFAREIRA

A festa de Nossa Senhora da Paz é realizada todos os anos na localidade da Bofareira no dia 3 de Agosto e foi festejada pela primeira vez em 2003. A população local ansiava pelo festejo de uma santa na comunidade, numa convivência com pessoas que viessem de outras moradas a fim de saborearem a verdadeira tradição dessa gente, de coração grande e muita humildade. Numa grande festa preparada por mulheres batalhadoras, todos os anos apresentam sabores de terra, como cachupa, guisados de capod, canja, arroz e feijoada. A festa já atingiu um patamar desejável e há actividades que todos os anos fazem jus à casa. Anualmente realizam-se actividades desportivas, e socioculturais que cativam a todos quantos marcam presença nas festividades.

A nível desportivo, a aldeia recebe uma grande dinâmica com os torneios de futsal sénior feminino e masculino, jogos de velhas glórias e taça de Nossa Senhora da Paz sénior feminino e masculino.

bofareira01

RABIL

A 16 de Agosto, os moradores do Rabil celebra-se o dia de S. Roque, Santo padroeiro desta localidade. Nesta festa é também organizada algumas actividades desportivas e culturais nomeadamente torneio de futebol inter zonas do Rabil (Boaventura, M. Morada, Rua d´Caboco e Riba Rotcha).

O ponto alto das festividades é marcado pela missa e uma procissão em honra a S. Roque. A noite é para muita dança com músicas ao vivo, na praça da Igreja de S. Roque.

Igreja Rabil

ESCUTEIRO

Escuteiros é um programa que reúne adolescentes e jovens, que por sua vez comprometem a salvaguardar os objetivos e lema da organização. Partindo das finalidades educativas do Escutismo, em que sobressaem o amor a Deus e à Pátria, formando o caráter, dando hábitos de observação, disciplinam confiança em si mesmo, lealdade e caridade para com o próximo, ensinando serviços de utilidade pública e pessoal, promovendo o desenvolvimento físico segundo regras de higiene e com a vida ao ar livre. O nível local do CNE é o Agrupamento e está organizado do seguinte modo: uma chefia autónoma (direção do agrupamento) composta por chefe de agrupamento, chefe adjunto de agrupamento, assistente, secretário, tesoureiro e chefes de unidade; e pelas várias unidades a saber: Alcateia: Lobitos – 7 aos 10 anos; Expedição: Exploradores – 10 aos 14 anos; Comunidade: Pioneiros – 14 anos 18 anos; Clã: Caminheiros – 18 aos 22 anos.  Cada unidade possui uma equipa de animação, dirigida pelo chefe de unidade e respectivo adjunto. O Agrupamento pode ainda possuir Instrutores para o apoio à vida do Agrupamento e Unidades.

O CNE privilegia o contacto com a Natureza e promove o respeito do escuteiro por si próprio e pelos outros. A vida em pequenos grupos e o compromisso pessoal são elementos fundamentais do método escutista que se desenvolve na ação, na responsabilidade de cada um e no serviço aos outros, começando em casa.  Na comunidade, o CNE assume a missão de formar, contínua e progressivamente, o Homem-Novo, aquele que, inconformado e humildemente, procura a perfeição como resposta aos desafios da Igreja, da Sociedade e da Família, rumo à Felicidade.

Igreja Catolica
igreja Catolica
escuteiro
X